Notícia

COMO TER UM BOM SCORE

sexta, 03 de janeiro de 2020

Muitas empresas utilizam a pontuação de crédito para avaliar o risco de uma negociação. Quando o cliente possui um score bom, o risco de inadimplência é menor, facilitando o acesso ao crédito. Mas, quando a pontuação é baixa, esse cliente terá dificuldades para realizar empréstimos e financiamentos, por exemplo.

O score é uma informação é importante porque, a partir dela, o lojista determinará quanto crédito ele irá oferecer. As opções de pagamento e as taxas de juros também são influenciadas por esse número.

O motivo é óbvio: nenhuma empresa quer perder dinheiro fechando negócio com um mau pagador.

Embora essa análise faça parte do dia a dia empresarial, os consumidores pouco sabem sobre esse assunto. Por isso, listamos, a seguir, dicas para você conquistar e manter um score bom.

 

O que é score de crédito?

O score utiliza dados estatísticos para indicar a probabilidade de inadimplência de pessoas físicas e jurídicas nos próximos 12 meses. Ele é apresentado como uma pontuação que vai de 0 a 1.000, sendo que, quanto maior o valor, maior a probabilidade de o consumidor manter o crédito em dia.

O score é definido a partir de:

  • Dados cadastrais;
  • Restrições atuais ou antigas;
  • Quantidade de consultas em um CPF ou CNPJ;
  • Local de residência;
  • Entre outros fatores.

 

Para aos consumidores, manter um score bom traz inúmeros benefícios. Entre ele, temos uma avaliação segura na quantidade de parcelastaxas de juros menores e prazos maiores.

 

Quais fatores influenciam concessão de crédito?

Agora que já vimos quais fatores influenciam o score, vamos pontuar quais fatores influenciam a concessão de crédito. São eles:

 

CEP

O CEP é o código de endereçamento postal, utilizando por empresas, como os correios, para entregar documentos, cartas, produtos, entre outros. Ele também é uma forma de análise de crédito, pois é possível retirar informações sobre a legalidade da posse do terreno onde o requerente mora, aumentando assim a segurança em fazer a concessão do empréstimo.

 

Telefone e contato

O telefone e o contato garantem que o consumidor pode ser contatado de maneira rápida e segura.  Isso traz mais segurança para as transações, já que o cliente se mostra disponível para conversar com a empresa, caso necessário.

 

Participação em empresas e informações restritivas

É fundamental que, durante a análise do score de crédito, sejam avaliadas questões relativas à participação do requerente em empresas, além de informações restritivas. Essa avaliação diminui o risco durante a operação e a necessidade de realizar futuras cobranças.

 

Histórico de consultas anteriores

Outra forma de avaliar o cliente, antes da concessão do crédito, se dá por meio do feedback do histórico e de suas consultas anteriores. Isso serve para classificar o registro de pontuação, se houve melhora ou piora, assim como os motivos alegados para a requisição do crédito.

 

Como posso garantir um score bom?

Não existe receita pronta para obter um score bom. Mas, como ele é formado por informações cadastrais e comportamentais, você pode adotar as seguintes medidas:

  • mantenha suas contas em dia, evitando pagar após o vencimento;
  • não solicite créditos a todo instante, pois gera consultas por parte da instituição concessora e para o mercado isso não é um bom sinal. Antes disso, pesquise, obtenha informações e verifique se realmente as condições agradam;
  • mantenha seus dados no Cadastro Positivo;
  • se você tem dívidas prescritas (após cinco anos), procure renegociar e quite-as;
  • você pode possuir conta em vários bancos, mas use de forma consciente, caso contrário, isso trará mais problemas;
  • não utilize limites de cartões ou cheque especial;
  • não comprometa mais de 30% de sua renda com dívidas. Desconsidere no caso de financiamento imobiliário;
  • evite sustar cheques;
  • use produtos dos bancos, como cartão de crédito, investimentos, consórcios e financiamentos  com consciência;
  • nunca utilize serviços que prometem aumentar seu score, são golpes. Para os birôs de crédito, seu score precisa ter constância e não são levados em consideração aumentos momentâneos na pontuação;
  •  invista uma parte de seus recebimentos no seu futuro;
  • caso já tenha sido negativado, o trabalho será mais árduo, pois é necessário um pouco mais de tempo para gerar um histórico positivo no mercado, que pode ser de até três anos, dependendo do valor da dívida;
  • regra de ouro: pague suas contas sempre em dia e não adquira novos débitos além de suas condições de pagamento.

 

Um score bom é de interesse de todos. Para as empresas, ele é um sinal de que o cliente é um bom pagador. Para os consumidores, um score bom facilita a obtenção de crédito – e a materialização de seus sonhos.

Fonte: https://empreendedoresdoparana.com.br/como-ter-um-score-bom/